terça-feira, 17 de setembro de 2013

.96

Porquê que eles vêem todos ao mesmo tempo e quando estamos comprometidas?!
Arrrrrgg!
P.S.: Já estou no segundo volume da trilogia "As Cinquenta Sombras de Grey", e posso dizer-vos que recomendo a 110%!

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

.95

Quem é que já tem carta de condução? Quem é?! EU! É tão bom não ter que depender de ninguém para ir para onde quero. 

terça-feira, 20 de agosto de 2013

.94

Eu preciso tanto de ficar magra! Ultrapassei o limite...

segunda-feira, 22 de julho de 2013

.93

As coisas com o M. não estão muito bem. Apetece-me desaparecer!...

sábado, 20 de julho de 2013

.92

Não consigo passar um dia sem comer chocolate, é um vício terrível. Depois queixo-me da minha celulite! 

sexta-feira, 19 de julho de 2013

.91

Adoro ver homens musculados assim! Mmm!
(demasiado musculados perde a piada)

.90

Serei a única a gostar deste tipo de sapatos?

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Parabéns!

Nelson Mandela
Foste, és e sempre serás um dos homens que mais admiro! Parabéns por tudo, por toda a força que teve, por toda a coragem e por ter ajudado milhões de pessoas! És um verdadeiro HERÓI!
(porque devemos de demonstrar algo a alguém quando elas estão vivas)

.89

Nunca acampei, mas penso que não passa deste Verão!

.88

Há meses que estou à espera de uma surpresa e ela nunca vem. Talvez estou a elevar demasiado as minhas expectativas...

quarta-feira, 17 de julho de 2013

.87

Hoje vim à praia com amigos e namorado. Por mais incrível que pareça estou numa praia com areia (só existe 1 natural aqui na Madeira, as outras praias de cá que têm são de areia exportada).

terça-feira, 16 de julho de 2013

NOT!

Para mim? Foi dos piores filmes de sempre! Sem conteúdo nenhum e sem... nada! Foi uma hora e meia da minha vida desperdiçada.

.86

A verdade é que tenho saudades dela e sei todo o mal que lhe fiz e todas as coisas más que lhe disse. Não sei se ela seria capaz de me perdoar, mas as saudades estão a apertar...

.85

Escolhi o vestido para o casamento. É simples, não gosto de coisas muito "chiques"!

84.

Já pus requerimento para o exame de condução, agora vamos lá ver...

quinta-feira, 20 de junho de 2013

.83

Tenho um casamento para ir dentro de um mês e ainda não vi nada de jeito para levar! Estava a pensar neste vestido da Mango (à esquerda) ou então noutro vestido preto que já tenho da Blanco (foto do lado direito). É claro que eu queria ter um vestido novo e tal... mas quero ver se poupo para outros fins.

Estou também a pensar em fazer unhas de gel. As minhas estão super frágeis e mesmo curtas elas começam a rolar. Uma prima minha tinha o mesmo problema que eu e já à alguns anos que ela faz unhas de gel e nunca lhe deu problemas, por isso vou ver se arrisco. Agora tenho é que ver um modelo bonito para condizer com o vestido para o casamento! Se tiverem alguma sugestão, por favor digam! 


quarta-feira, 19 de junho de 2013

.82

Não faço a mínima ideia do que se passa comigo neste últimos dias. Não sei se é por causa dos exames, ou por causa de outros factores, que eu penso que estou a dar em louca! Já me tinha acontecido imensas vezes, mas não com tanta intensidade como hoje. Estava a dormir, ou pelo menos naquela transição do dormir/acordar, e começo a ouvir uma voz no meu subconsciente que me tenta acordar, e depois começa a fazer cálculos e mais cálculos e tinha que haver uma ordem certa para eles. E essa voz não me deixava em paz! Estava mesmo a ouvi-la e não conseguia fazer com que ela parasse até dar um enorme grito "PÁRA! ESTOU FARTA!", e ela parou. Comecei a ficar um pouco assustada com isto e penso que se deve ao facto de estar a pensar em demasiadas coisas que me preocupam.
Sim, foi-me confirmado por um psicólogo que estou com uma depressão e não no início dela.
Na minha escola não houve greve no dia 17, logo pude fazer o exame de Português (graças a Deus!). Pensei que o exame iria ser muito pior (tinha medo que viesse Os Lusíadas ou Mensagem, mas felizmente veio Ricardo Reis na interpretação e Alberto Caeiro como texto B).
Agora tenho é que concentrar-me em Matemática!

sábado, 8 de junho de 2013

.81

O que me vai fazer falta?
Falar contigo à noite, receber a tua mensagem de "bom dia", falar com a tua família, estar com o meu "pequenino", dar-te abraços,...

segunda-feira, 6 de maio de 2013

.80


  -Papá, por favor pare de falar nisso! - dizia eu colocando a mão dele no meu peito para que sentisse a velocidade a que o meu coração batia.
   -Mas foste tu que pediste para continuar... - respondeu assustado.
   -Papá, por favor, por mais que peça não fale mais. Eu fico assustada quando falamos do que poderá acontecer quando eu morrer papá... eu tenho medo.
   -Joana, tu não podes evitar. Vai acontecer a toda a gente. Um dia também te vai acontecer...
   -CHEGA! Pode parar por favor? Estou a pedir-lhe por favor!

   Sempre fui muito preocupada, sempre me preocupei com o ambiente, com guerras, com epidemias, enfim, com tudo o que pudesse matar se não tivéssemos cuidado (ou se os outros não tivessem cuidado). Ficava apavorada quando havia os ataques no Iraque e o meu irmão como sempre me tentou ajudar de uma maneira engraçada dizia "Nada disso vai chegar aqui, o Sr. Alberto João Jardim não deixa", e eu como era pequenina acreditava. Tinha pavor da gripe da aves, da gripe suína, do dengue, de tudo. Para verem como eu era preocupada demais, cheguei a receber um daqueles e-mails que diziam que eu tinha que enviar aquilo a trinta pessoas ou morria uma semana depois, e fiquei pálida e a gritar pela minha mãe porque não tinha os trinta contactos! Era habitual visitar sites sobre o ambiente quando um dia estava a vaguear na Internet e vejo uma notícia sobre uma Cimeira que tinha havido por causa do ambiente. Curiosa como sou, abri o link para ler o resto da notícia e aproveitei para ver os comentários e para ver se as pessoas se preocupavam tanto quanto eu. Num dos comentários estava "Palhaçada! Google -> 2012. Pesquisem!". Ora bem, isto ainda estávamos no ano 2008. Mais uma vez, como sou curiosa, fui ao Google e pesquisei o tal "2012". Para minha grande surpresa e desgosta vi em letras bem grandes "FIM DO MUNDO 21-12-2012". Bem, é que não imaginam, entrei em pânico, comecei a chorar e a pensar que não ia poder ter a vida que os meus pais tiveram, que não ia poder ir para a universidade, que nem ia poder fazer 18 anos! Que não ia poder ser mãe que era o meu maior sonho e também que não me ia poder casar!
   Já tinha estado em psicólogos antes por causa do "jogo do copo" ou "jogo dos espíritos" (coisa que ainda não percebi nem quero perceber, porque hoje em dia ainda me mete medo!), mas como o assunto tinha ficado esquecido desisti de ir à psicóloga, também porque era muito caro. Entretanto, em 2009, a minha mãe adoeceu, teve cancro e no dia em que a minha mãe foi para Lisboa para começar os tratamentos, fui a uma palestra da minha psicóloga com os tios com que eu iria ficar. Logo no início da palestra ela põe um vídeo do planeta Terra e de ser atingido por uma força gigantesca e ela disse que "a vida na Terra vai acabar, não só para nós, mas também para os animais e para as plantas" e no fim do vídeo estava "21-12-2012". Comecei a entrar novamente em pânico, tive que sair da palestra. Pagar 10€ para ouvir aquilo? Ainda por cima quando a minha mãe, o meu pai e o meu irmão tinham ido para o continente? Passei anos a pensar neste assusto, anos com medo, com pavor. Tinha pesadelos com tsunamis, com o suposto fim do mundo, e conforme o tempo ia passando, mais os pesadelos se iam intensificando. Chegou o famoso filme "2012" que retratava o que poderia acontecer no dia, e eu não conseguia vê-lo senão era logo calmantes p'ra baixo. Nos últimos meses as piadas sobre o acontecimento era frequentes e eu tentava entrar na onda para não dar a parte fraca, quando o que realmente sentia era pavor!
   Chegou finalmente o dia 20 de Dezembro. Passei o dia todo a chorar, com ataques de pânico, a minha tia teve que me dar pelo menos uns três calmantes para ficar estável. Nesse dia à noite o meu tio fez uma festa em casa para toda a família e é claro que toda a gente sabia do meu estado. Quando lá cheguei já estavam todos e um dos meus tios disse-me "Então Joana, querias melhor despedida que esta?". Desabei. Nenhum dos calmantes me safou. Comecei a chorar, a soluçar e quase nem conseguia respirar. O meu pai também começou a chorar, não pelo mesmo motivo que eu, mas sim com medo que me pudesse dar um ataque cardíaco. As minhas primas pequeninas ficaram preocupadas e eu não lhes queria dizer o motivo porque estava assim, portanto obriguei-me a parar de chorar e a controlar-me por elas. O meu telemóvel foi-me tirado porque estava ver no Facebook a ver se alguém dizia alguma coisa e houve um parvalhão que publicou que o Japão tinha sido atingido por um enorme sismo e tsunami onde tinham morrido milhares de pessoas. Fiquei sem falar com o meu namorado, mas em compensação estava com a minha família que é a mais importante do mundo! Passou a meia noite e não sei porquê mas acalmei-me imenso.
   A maior culpada disto tudo foi sem dúvida a minha antiga psicóloga quando disse o que não devia. Por vezes apetece-me lá ir e abanar-lhe a cabeça para ver se ela anda bem do juízo! Hoje em dia penso "Perdi tantos anos da minha vida com este medo para quê mesmo?".

quinta-feira, 18 de abril de 2013

.79

Um post só para ti!

Talvez nunca fomos nada uma para a outra, só me querias para falares do teu namorado e das discussões que tinham, que acabavam cinco vezes por semana, que nunca mais o ias perdoar, que isto e que aquilo. Pura e simplesmente fartei-me da tua maneira de ser. Sim, eu sei que cada um tem o seu feitio, e que tinha que aceitar-te por aquilo que eras, mas foi demais. Os meus pais controlam-me e eu detesto, mas ainda tolero porque são meus pais. O meu namorado não me controla, nem é ciumento. Por isso não preciso de uma amiga que seja excessivamente assim, que tudo e mais alguma coisa que faça tenha que te contar, que deixe de andar com pessoas com quem fiz as pazes porque tens medo do que vá acontecer. Não! Eu tenho que ter o meu espaço, o meu tempo, as minhas coisas,... e só por causa disso já começas com merdas (desculpa o termo), a dizer que é para me ir embora e nunca mais voltar e a mandar indiretas (bem diretas!). Agora pergunto-te: isso são coisas que se façam a uma suposta melhor amiga? Mas claro que quem fica com os louros sou eu, Joana, porque sou eu que pago sempre por dizer as coisas na cara e não ter medo de dizer nada! "Querida", se fores com todas as outras pessoas o que foste comigo, posso então dizer-te que mais dia, menos dia as pessoas vão fartar-se, inclusive quem mais amas! Mas não te preocupes, se foi assim foi porque teve que ser, foi porque tu não és alguém que sabe o que é o significado da palavra "amigo/a", e obrigada por teres feito com que outros amigos meus se afastassem de mim, isso sim foi um verdadeiro ato do que se chama "melhor amiga"!
A vida continua e tu não vais ser aquela pessoa que me vai pôr em baixo porque seres um "projeto de gaja". Acabou, e começa aqui um novo capítulo da minha vida, onde a tua pessoa não será mais pronunciada.
Só para finalizar, isto é tudo o que te desejo:


.78

A verdade é que por vezes sinto que simplesmente aqui venho para descarregar algumas frases e alguns sentimentos em vão. Antes gostava de cá vir e ver a opinião das outras pessoas sobre as coisas que se passavam comigo, se me podiam ajudar em alguma coisa, ou simplesmente dizerem alguma coisa mesmo que não tivesse sentido nenhum, mas vou continuar a postar, embora não com tanta frequência.

Estes dias têm sido horríveis. Já fui para o hospital esta semana com um ataque de pânico (já tive depressão, mas nunca me tinha acontecido o que aconteceu!), os nervos estão-me à flor da pele e não os consigo controlar. É demasiada pressão, não por causa daquelas pessoas idiotas e medíocres de que vos falei, mas sim por causa da minha família e também por causa do meu futuro. 


segunda-feira, 8 de abril de 2013

.77

   Mal começaram as aulas e tenho andado exausta e cheia de trabalhos. Tenho que apresentar já esta sexta-feira o meu trabalho de inglês sobre os presidentes mais importantes dos E.U.A., depois tenho que fazer uma apresentação sobre as características de Blimunda, de O Memorial do Convento, ao longo da obra, e ainda tenho que me preparar super bem para o meu exame de código que me está a apavorar. Tenho feito testes e mais testes e tenho reprovado na maioria, e provavelmente o meu exame é já na próxima semana. Se reprovar tenho que pagar outra vez e assistir a todas as aulas de novo por isso é bom que passe. Para não falar das explicações a Matemática que me estão a deixar de rastos, e ainda o esforço que tenho que fazer para me concentrar nas aulas de Química, porque não dou uma para a caixa naquilo! Hoje tive uma ficha de leitura sobre O Memorial do Convento, do capítulo XI ao XVI e tive que acordar duas horas antes do normal para tentar acabar de o ler a tempo! Enfim, estou mesmo exausta!

   Pode haver mil e uma coisas que o meu pai se recuse a comprar-me mas a única coisa que ele nunca se recusou foi a comprar-me um livro. A verdade é que queria imenso ler o livro da modelo Miranda Kerr e até pensei que o meu pai não mo fosse deixar comprar por ser uma modelo, mas livros são livros. 
   O livro não está à venda em Portugal por isso vou ter que encomendá-lo e encontrei um site onde este livro está a menos de 10€! 

domingo, 7 de abril de 2013

.76

Talvez assim fosse melhor, talvez assim já não tenha tantas preocupações nem nada disso. Eles não falam comigo porque dizem que os desrespeitei, mas eles também me desrespeitaram! Agora uma coisa que nunca vou fazer é dizer ao meu namorado para deixar de falar com eles, isso não. Sei que têm uma amizade de há muitos anos e muito bonita e longe de mim querer estragar isso. Eu não falo com eles, recuso-me a falar. No início estava sempre a pôr frases a picar no Facebook tal como ela fazia, mas cresci. O desprezo é o melhor que se pode fazer. Não preciso deles para nada, talvez nunca fui nada para eles assim como eles para mim. Não são eles que me fazem viver. Por isso escolhi esta imagem para o post de hoje:
Joanna

terça-feira, 2 de abril de 2013

.75

Sim, é verdade, estou há imenso tempo sem cá vir...
A viagem de finalistas? Foi simplesmente um máximo! O nosso voo foi alterado para o dia seguinte, o que nos deu direito a estadia de uma noite, com direito a almoço, jantar e pequeno-almoço, num hotel de quatro estrelas e foi aí que começou a nossa viagem. Bebemos imenso, rimos imenso, andamos imenso, apanhamos imenso SOL(!), gozámos imenso e isso é o que importa. Houveram discussões como é normal, mas nos minutos seguintes estávamos todos a rir do que se tinha passado.
Infelizmente quando regressei deparei-me com um monte de coisas absurdas: o meu pai achou de embirrar comigo por tudo e por nada, achou de embirrar com o meu namorado, para não falar que tem estado praticamente todos os dias bêbado. A minha suposta melhor amiga ficou chateada e com ciúmes, pois na viagem de finalistas fiquei no mesmo quarto que uma rapariga que eu tinha feito as pazes com ela. Isto não é normal para uma miúda/jovem (neste caso, criança) de 19 anos! O namorado da minha suposta melhor amiga, já era meu melhor amigo muito antes de a conhecer e o que acontece? Que chego à escola e ele simplesmente passou por mim, fez que não me viu e não falou comigo o dia todo. Mas as histórias destes dois comigo ainda nem vai a meio do que vos tenho para contar. Agora nenhum dos dois fala comigo mas se algum deles algum dia me vier pedir desculpas, eu vou simplesmente sorrir e ir-me embora. Agora só quero que ela me devolva tudo aquilo que lhe dei.
Enfim, isto é um pior que outro!

sexta-feira, 15 de março de 2013

.74

Olá pessoal! Desculpem não ter ido aos vossos blogues mas como viram não tenho andado lá muito bem. Mas hoje acabaram as aulas e amanhã vou para a minha viagem de finalistas! Vou ter que andar de avião o que já me está a apavorar... mas vou com o meu namorado e com colegas por isso vai ser divertido. Vou para Espanha durante uma semana e espero que corra tudo bem sem desentendimentos e confusões! Já tenho praticamente quase tudo pronto, só faltam mesmos os últimos retoques e vim cá para me "despedir" de vocês durante uma semaninha. :p espero que esteja tudo bem com vocês!

sábado, 23 de fevereiro de 2013

.73

Olá pessoal!
Peço milhões de desculpas por ter estado imenso tempo sem escrever... A dieta está a correr bem, já não toco num chocolate há algum tempo. Graças a Deus está tudo bem na minha relação com o meu namorado. Com os meus pais também está tudo a correr bem. Os meus pais foram a Lisboa para a minha mãe fazer exames no I.P.O. e graças a Deus está tudo bem!
As notas é que é aquela coisa. Não sei o que se passa comigo. Estou a ficar com notas cada vez mais baixas e eu estudo! A matemática também está numa desgraça... enfim.
Hoje foi a minha primeira aula de condução e foi um máximo! Pensei que iria ser uma desgraça total mas não deixei o carro ir abaixo nenhuma vez nem dei aquelas travagens bruscas ou aquelas coisas que é normal fazer e para a primeira vez que se conduz é muuuuuito bom! :D

sábado, 16 de fevereiro de 2013

.72

Ok, estou mesmo decidida a fazer dieta, vamos é ver até onde é que aguento!
Todos dizem que estou muito mais gorda e de facto nunca pesei tanto. Tenho-me desleixado completamente, comi-a chocolates ao lanche da manhã e passava a tarde a comer bolachas com Nutella (é irresistível)!
Comecei hoje a minha "dieta". Chocolates nem pensar, cereais com chocolate e açúcar muito menos, bolachas integrais p'ra dentro, vou ter que começar a aprender a gostar de fruta de uma maneira ou de outra, sopas, saladas e pronto! Para não ficar sentadinha no sofá sem fazer nada, vou andando na passadeira elétrica dos meus pais enquanto vejo televisão e assim queimo umas calorias. Vai ser difícil, mas tem mesmo que ser! E motivação para isto é o que não me falta (ao contrário dos estudos).

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

.71

Tenho imensas coisas para fazer para a semana, sendo as mais importantes o teste intermédio de Português e a apresentação de Inglês. Este 2º período não me tem corrido nada bem. Penso que me deixei ir abaixo por pensar que não vou para a universidade este ano (nem para o próximo)... Tenho tido notas escandalosamente baixas para o que queria. Mas sabes o que é não tem paciência para fazer absolutamente nada? Terem vontade de estudar e depois de meia hora ficam aborrecidos e simplesmente adormecem em cima dos livros? Hoje só tive uma aulas e quando cheguei a casa adormeci e só acordei as 18h, acham isto normal?! Espero amanhã já ter mais paciência para alguma coisa, porque não posso continuar assim... :s

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

.70



Então meninas? Como foi o vosso dia? Sinceramente pensei que o meu ia ser horrível, mas até foi um dia super fofinho! O meu namorado ofereceu-me uma caixa de chocolates, fomos almoçar juntos a minha comida favorita, fomos ao cinema e ainda tivemos tempo para ir namorar num parque que tem perto do cinema. Foi tão fofo. Já tinha imensas saudades de estar com ele assim, senti-me como se estivesse no nosso 1º mês de namoro e acreditem que foi muito bom!
Espero que este sentimento dure e perdure... ♥

domingo, 10 de fevereiro de 2013

.69

Obrigada a todos e a todas pelos parabéns! :D A prenda dos meus pais foi a carta de condução e já começo a tirá-la dia 22 deste mês!
Ontem foi o cortejo de Carnaval no Funchal e trouxe-me à memória muitas coisas das quais me deixaram triste. Mas enfim, coisas triste não são para aqui chamadas, pelo menos por hoje.
Daqui a duas semanas os meus pais vão ao continente porque a minha mãe tem que fazer exames no I.P.O. de Lisboa o que significa que vou ficar uma semana sozinha em casa com o meu mano (FESTA!).
O dia dos namorados está aí à porta e parece que este ano vai ser um pouco diferente para mim porque as coisas não estão lá muito bem. O que vão fazer nesse dia? (:

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

.68 - Parabéns para mim!



É verdade, hoje faço 18 anos e já sou considerada uma adulta perante a sociedade. Já posso votar, já posso tirar carta de condução (estou a tratar disso!) e o mais importante, já posso ver filmes para maiores de 18! (ehehe, joke). 
Tanto tempo a pensar como iria ser este dia, o que ia fazer, o que ia mudar em mim. Penso que hoje vou almoçar com o meu pessoal e depois tenho que ir à explicação de Matemática. Depois disso talvez vá ao cinema ver o "Django" e à noite ainda nem sei se vou ter bolo porque no sábado vou fazer um jantar para os mais chegados. 
Lembro-me de ser bem pequenina e desejar chegar aos 18 anos para fazer tudo o que quisesse e bem entendesse, mas penso que não será assim. Vivo com os meus pais e tenciono viver com eles pelos próximos anos. Adoro-os e quero ficar com eles o máximo tempo que puder apesar das coisas que acontecem de vez em quando com o meu pai.
Uma das primeiras coisas que vou fazer (quando tiver tempo, claro) vai ser dirigir-me ao hospital para doar sangue e a medula. A minha tia é enfermeira e contou-me como é que fazem para doar a medula (caso sejamos compatíveis) e assustou-me, mas depois pensei que se fosse eu que precisasse também ia gostar que alguém fizesse aquele gesto por mim! :D Penso que vai ser a boa acção do ano e que vai ser uma boa maneira de começar os meus 18 aninhos!
E para "um brinde" a que este ano seja um óptimo ano e que melhore em muitos aspectos e que também me dê uma boa imaginação para escrever aqui no blog! 

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

.67

Hoje tive apresentação de Português e a professora gostou imenso do meu trabalho com o P.! O nosso trabalho foi sobre D. João I de Portugal e sua mulher D. Filipa de Lencastre assim como os seus filhos que são a Ínclita Geração. Foi um trabalho que ao contrário do que eu pensava que poderia acontecer, foi muito interessante de fazer. Adorei pesquisar e saber mais sobre a história do nosso país e acho que fiquei um pouco mais patriota até! Como o nosso país já foi tão grande e agora é tão pequeno... 

sábado, 19 de janeiro de 2013

.66

E a pergunta é:
Será que fiz bem em perdoar-te?

Após um ano esta pergunta não me sai da cabeça e ainda não esqueci, de todo, o que aconteceu, o que passei, o que sofri e o que ainda sofro com aquilo. Será que era mais feliz se não te tivesse perdoado e as coisas ficassem por ali? Será que ia ser mais infeliz? Talvez fui estúpida ao ponto de te ter aceite logo quando me pediste para voltarmos, que estava tão cega por querer-te de novo comigo que disse "sim!"... A verdade é que não consigo esquecer o que me fizeste, e não sei se algum dia irei esquecer. É como se todos os dias, quando me lembro, alguém me apunhalasse o coração e quando a ferida está perto de sarar, apunhalam de novo... Uma relação é feita à base de confiança e tu destruíste-a. Embora faças de tudo e mais alguma coisa para voltar a recuperá-la já nada será o mesmo. Eu sei que isso já aconteceu há um ano e que já namorámos há quase dois, mas... eu não sei o que fazer. Estou farta de estar sempre desconfiada do que vais fazer, com quem é que vais fazer, o que fizeste quando não estavas comigo. Estou farta...


quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

.65

Conversas de pai e filha:
Pai: Temos que ver este filme ao cinema. Vê aí os horários na internet.
Eu: Ora bem... "00:30-Hora Negra" tem às...
Pai: 00:30?! Só tem a essa hora?!
Eu: Papá, o nome do filme é mesmo "00:30..."!


Fiquei super surpreendida por o meu pai ter querido ir ao cinema, especialmente comigo! Ele não é nada de cinemas!
Hoje foi dia de compras, comprei uns brincos e um porta-moedas na Parfois. O meu irmão comprou-me um colar também da Parfois e descobri (ihihih) que o meu namorado me vai oferecer o mesmo colar mas de outra cor.
Os brincos que comprei!
O colar que o meu irmão me ofereceu (e o meu boy vai oferecer-me em dourado).

Agora deixo-vos com este vídeo extremamente bom. Há pessoas incríveis! :D*

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

.64


Olá minhas lindas. 

Desculpem no outro dia não ter ido visitar o vosso blog, mas aconteceu muita coisa e não deu mesmo.
Estou a adorar dar Os Lusíadas, de Luís de Camões, e nunca pensei que fosse gostar tanto até porque nem gosto muito de poesia, muito menos de ler obras na aula. Nunca pensei que fosse tão difícil ter uma boa nota na disciplina de Português no 12ºano, mas ultimamente tenho estudado imenso e pela expressão da professora, estes últimos dias ela tem gostado da minha prestação na aula. Tenho feito todos os trabalho e estudado imenso em casa. O mesmo se aplica para Matemática! E sabem que mais? Sinto-me bem assim, sinto-me óptima quando sei e percebo a matéria!

Era suposto hoje ir tirar fotografias para depois passar na escola de condução para me inscrever, mas a resposta do meu pai é sempre a mesma "Amanhã vamos!". Começo a passar-me com ele, porque quando é para as coisas dele, ele nem pensa um segundo e vai logo, mas quando é para as minhas coisas eu tenho que esperar, e estou mesmo muito desejosa de tirar a carta de condução!

domingo, 13 de janeiro de 2013

.63

Ontem foi a festa de aniversário do meu irmão! Já não estava com ele no seu aniversário há quatro anos e fui muito bom estarmos todos juntos. Vieram cá os amigos dele, fizemos uma "churrascada" e imensos bolos e pudins. Mas ontem à noite também tínhamos um jantar de família em casa de um tio meu. E o que aconteceu? Comi demasiado e não foi de madrugada para o hospital por pouco. Acordei a meio da noite com uma paragem de digestão. Sentia o estômago pesado e tinha vontade de vomitar, mas pensei que ia acabar por passar. Passado um bocado estava na mesma e começava a ter muito calor e depois muito frio. Acordei a minha mãe e ela disse que era melhor eu vomitar, porque eu não estava a conseguir fazer a digestão, e se eu vomitasse e não ficasse melhor, então tínhamos que ir para o hospital. Felizmente depois disso fiquei melhor*

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

.62

Apesar de já se terem passado praticamente 5 dias após o início do ano adorei esta imagem:
Que vocês tenhas todas um excelente ano com tudo do melhor principalmente saúde, porque sem isso não conseguimos fazer nada. Também com muito amor e claro que neste tempo de crise o que queremos é algum dinheirinho.

Outra imagem que vi hoje e que adorei foi esta:
É uma grande verdade e eu já fui assim, do tipo de pessoas que dava confiança muito depressa a pessoas que não mereciam. Era honesta mas não tinha isso de volta. Por isso talvez sou como sou hoje em dia e não consigo confiar nas pessoas de um momento para o outro, é preciso mesmo muito tempo. Nunca sabemos em quem devemos de confiar. Há aquelas raparigas que são muito "pipis" e bem arranjadas e parecem convencidas que até podem ser pessoas muito boas, e depois há aquelas raparigas que são muito tímidas, não falam com ninguém e quando nós tentamos ser amigas delas porque vemos que ela está ali sozinha... PIMBA! Sai a maior sonsa e falsa de todos os tempos!

Bem, amanhã eu e a minha família vamos almoçar à casa do meu namorado juntamente com a família dele. Isto vai ser divertido, eheheh!*